Obtenção do condutor iônico Li7La3Zr2O12 por meio de reação de estado sólido

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
10-031
Juliana Pereira de Souza Souza, J.P.(Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares); Muccillo, E.N.(Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares); Eletrólitos sólidos à base de lítio para aplicação em baterias têm sido investigados por serem mais seguros e apresentarem propriedades físicas e químicas mais adequadas, além de fornecerem maior densidade de potência do que os eletrólitos poliméricos convencionais. Com o objetivo de obter condutores iônicos à base de Li7La3Zr2O7 (LLZ) foi utilizado o método de mistura de óxidos seguido de reação de estado sólido. Os precursores foram misturados em quantidades estequiométricas, calcinados, conformados e sinterizados. Foram empregadas diferentes condições de temperatura e taxas de aquecimento e resfriamento e tipos de cadinhos na etapa de calcinação. Após cada etapa o material foi analisado por difração de raios X para identificação das fases cristalinas. A densidade aparente das amostras foi determinada por medidas geométricas. Observou-se que o zirconato de lantânio é sempre obtido após a sinterização independente do tipo de precursor de lítio e das temperaturas de calcinação e sinterização, indicando perda de lítio nestas etapas. A utilização do hidróxido de lítio favoreceu a obtenção da fase LLZ logo após a calcinação. As condições de calcinação e sinterização revelaram ser determinantes para a obtenção do LLZ nas fases tetragonal ou cúbica.
<< Voltar