Efeito do método de sinterização no crescimento de grão das fases constituintes do sistema bifásico PZT/FCO

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
16-004
Claudia Fernandez Perdomo Perdomo, C.F.(Universidade Federal de São Carlos); Garcia, D.(Universidade Federal de São Carlos); Kiminami, R.H.(Universidade Federal de São Carlos); Este trabalho avalia e compara o efeito do método de sinterização ultrarrápida assistida por micro-ondas e sinterização convencional, na distribuição e crescimento de grão das fases constituintes do sistema bifásico nanocristalino (0,8)PZT/ (0,2)Fe2CoO4 sintetizado mediante o método pechini usando a metodologia in situ, a qual consiste na cristalização simultânea das duas fases constituintes em somente uma etapa. A análise de microscopia eletrônica de varredura (MEV) mostrou que as amostras sinterizadas por micro-ondas apresentaram tamanhos de grão da fase ferrita reduzidos (280 nm) a diferença das sinterizadas em forno convencional as quais apresentaram tamanhos de grão micrométricos da fase ferrita (6 µm). Os resultados evidenciaram que a sinterização por micro-ondas não só produziu microestruturas bifásicas com distribuição de fase e tamanho de grão altamente homogéneas, com granulometrias menores do que as obtidas por sinterização convencional, mas também reduziu o tempo total de queima em até 90%.
<< Voltar