Síntese de eletrocatalisador suportado em nanotubos à base de titânia para aplicação em células a combustível de oxidação direta de álcool

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
16-008
Andre Ventura Piaggio Santos Santos, A.V.(Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares); Yoshito, W.K.(Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares); Ussui, V.(Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, São Paulo(SP), BRAZIL); Neto, A.O.(Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares); Lazar, D.R.(Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares); Nos dias atuais, a alta demanda energética sobrecarrega as principais opções de geração, portanto outras fontes de energia são necessárias, sendo a tecnologia de Célula à Combustível (CaC) uma delas. A substituição parcial do suporte de carbono por nanotubos de titânia é proposta como uma alternativa para melhorar a eficiência destes sistemas. Diversos métodos para a obtenção de eletrocalisadores são propostos, sendo um deles a preparação por redução via borohidreto de sódio. Neste trabalho, foram preparados diversos tipos de eletrocalisadores, em combinações envolvendo Pt e Ru sobre carbono e nanotubos de TiO2. Estes nanotubos foram sintetizados pelo método hidrotermal e os eletrocatalisadores resultantes foram caracterizados por microscopia eletrônica de transmissão e difração de raios X. Os resultados demonstram que as nanopartículas de Pt foram incorporadas aos nanotubos de titânia. Os difratogramas indicaram a presença de Pt metálica e do composto H2Ti2O5, dos quais são formados os nanotubos.
<< Voltar