ESTUDO DA DEPOSIÇÃO, POR LASER, DE CERÂMICAS DE ZIRCONIA COM ADIÇÃO EQUIMOLAR DE ITRIA E NIOBIA.

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
09-021
Francisco Piorino Neto Neto, F.P.(Instituto de Aeronáutica e Espaço); Assis, J.M.(Instituto de Aeronáutica e Espaço); Teleginski, V.(Instituto Tecnológico de Aeronáutica); Melo, F.C.(Instituto de Aeronáutica e Espaço); Mello, A.M.(Universidade de São Paulo); Cerâmicas de zircônia com adições equimolares de ytria e niobia tem sido estudadas para visando a estabilização da fase tetragonal em temperaturas acima da ambiente. Também estão sendo investigadas a obtenção da fase t’, com comportamento ferroelástico, obtidas em algumas destas adições equimolares. Tendo em vista o potencial de aplicação destas zircônias como proteção térmica, este trabalho investigou sua deposição em substratos metálicos, com a utilização de laser. Foram estudados parâmetros como a velocidade e a potencia do laser. A técnica de deposição foi por sedimentação e posterior aplicação do laser. O laser utilizado neste estudo foi o de CO2. Após teste iniciais, foram definidas condições que permitiram a deposição da camada intermediaria de NiCrAlY, utilizando 25% de potencia, velocidade de 90 mm/s e resolução de 500 dpi. Para a deposição da camada de Zircônia, foi utilizado o laser com 100% de potência, velocidade de 500 mm/s e 500 dpi de resolução. O substrato utilizado foi o Inconel 718. As caracterizações microestruturais foram feitas com auxilio de microscopia, em amostras cortadas e embutidas, para avaliação das condições das camadas depositadas, em especial a aderência, a espessura, a morfologia e homogeneidade. Este resultados preliminares, permitiram a definição das próximas etapas visando a obtenção de camadas mais uniformes e de maior aderência.
<< Voltar