Influência do tempo de moagem nas propriedades fotocatalíticas do sistema WO3:TiO2

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
17-006
RAPHAEL RODRIGUES FALEIROS Dias, J.A.(Universidade Federal de São Carlos); Giraldi, T.R.(Universidade Federal de Alfenas); Maestrelli, S.C.(Universidade Federal de Alfenas); Silva, B.F.(Universidade Federal de Alfenas); Masteghin, L.T.(Universidade Federal de Alfenas); FALEIROS, R.R.(Universidade Federal de Alfenas); A fotocatálise heterogênea atua na mineração de poluentes orgânicos, podendo agir no tratamento de efluentes industriais têxteis degradando resíduos corantes. Esse trabalho objetivou obter de pós finos do sistema WO3:TiO2 via moagem de alta energia (MAE), verificando a eficiência fotocatalítica na degradação do corante Rodamina-B. Os óxidos precursores foram caracterizados através de DRX, BET e picnometria a Hélio. Amostras contendo 30% WO3 e 70% TiO2 (% em massa), foram moídas por 2, 4 e 8 horas, sendo então submetidos a ensaios de fotocatálise em UV-C e de oxigênio consumido; foram também caracterizados por microscopia eletrônica de varredura (MEV) e novamente por DRX. Os resultados principais indicaram que a moagem influencia positivamente nas propriedades fotocatalíticas do sistema investigado quando se aumenta o tempo de moagem, obtendo redução nos tempos de meia vida do corante de 169,06 para 60,27 minutos e da concentração de oxigênio consumido de 14,08 para 11,28 mg/L.
<< Voltar