AVALIAÇÃO DA VARIAÇÃO DAS PROPRIEDADES FÍSICO-QUÍMICAS DE ARGAMASSAS ADICIONANDO CINZAS DE CALDEIRA

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
13-015
MARINA ALTOÉ CAETANO CAETANO, M.A.(UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA); PEDROTI, L.G.(UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA); LIMA, G.E.(UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA); MARTINS, R.O.(UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA); O reaproveitamento de resíduos advindos das mais diversas áreas é crescente no ramo da Construção Civil. Este artigo reporta os resultados do estudo da incorporação das cinzas de caldeira, adicionada em diferentes proporções, na argamassa para assentamento de blocos. Para caracterizar o material e o adicionar na argamassa, realizou ensaios como TEM, EDX, XRD, atividade pozolânica, massa específica, ensaios de resistência à flexão e compressão. Destaca-se que o material teve análise química com alto teor de CaO, composto o qual tende a aumentar a resistência do material composto combinado com o resíduo. Foram desenvolvidos 6 traços de argamassa com índice de consistência de 260±5mm, sendo o de referência e os com adição (5,10, 15, 20 e 25%) em relação ao peso do agregado miúdo. As amostras analisadas apresentaram uma significativa melhoria das características físicas e pouca alteração da quantidade de água para a mesma consistência, revelando que o resíduo pode ser uma alternativa viável na contribuição da redução dos problemas ambientais.
<< Voltar