Desenvolvimento e caracterização de compósitos Al2O3-ZrO2 utilizando como matéria prima ZrO2(Y2O3) reciclada

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
11-011
Caio Marcello Cossu Cossu, C.M.(Universidade Estadual do Rio de Janeiro); Assis, L.L.(Universidade do Estado do Rio de Janeiro); MAGNAGO, R.O.(Universidade estadual do Rio de Janeiro); Candido, J.V.(Universidade do Estado de São Paulo); Alves, M.F.(Universidade do Estado do Rio de Janeiro); Santos, C.(Universidade estadual do Rio de Janeiro); Este trabalho tem como principal objetivo o desenvolvimento de compósitos Al2O3-ZrO2(Y2O3) para fins de aplicações estruturais utilizando fonte reciclada de ZrO2(Y2O3). Pós de Al2O3 foram misturados com diferentes proporções de ZrO2(Y2O3) oriundos de blocos pré-sinterizados utilizados na confecção de próteses dentárias. As misturas contendo 3%, 5%, 10% e 15%, em massa, de ZrO2(Y2O3), foram inseridas num moinho almofariz. A moagem dessa mistura foi feita em dois turnos de 1 minuto, com tempo de moagem e intervalos de 1 minuto. Após a moagem, as misturas receberam 5% de ligante polimérico (PVA), e após a adição do ligante, o material foi peneirado e prensado uniaxialmente a 70 MPa, sendo em seguida sinterizados a um temperatura de 1600°C por 2h. As matérias-primas e os produtos sinterizados foram caracterizados por difração de raios X, microscopia eletrônica de varredura (MEV), densidade relativa, dureza e tenacidade à fratura. Os resultados de difração de raios x indicaram que alfa-Al2O3 e ZrO2 tetragonal foram as fases cristalinas encontradas após a sinterização. Alem disso a densidade relativa em todas as composições foram superiores a 94%, como resultado da alta densificação as amostras apresentaram valores de dureza, entre 1500 HV e 1650 HV, e tenacidade superior a 3,5 MPa*m^(1/2) .
<< Voltar