CARACTERIZAÇÃO TECNOLÓGICA DA UTILIZAÇÃO DE ARENITO AÇU NA MASSA CERÂMICA PARA REVESTIMENTO

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
05-018
Luiz Felipe Pereira Nóbrega Nóbrega, L.P.(Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte); Souza, M.M.(IFRN); Gomes, Y.S.(Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte); Fernandes, D.L.(Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte); O arenito é uma rocha sedimentar formada principalmente por grãos de quartzo. No Rio Grande do Norte, tem-se a Bacia Potiguar com as Formações Jandaíra e Açu. Esta última é constituída por camadas espessas de arenitos de cor esbranquiçada. Ela tem destaque como armazenador de água no estado, porém também é usada para agregados para a construção civil. Este artigo objetivou o uso do arenito dessa formação na massa cerâmica para revestimento. Inicialmente, foi feita a amostragem do material. Ele passou pelo processo de cominuição para alcançar a granulometria necessária. Após isso foram feitas três formulações para incorporar esse novo material aos tradicionais. Os métodos foram realizados de acordo com a NBR 13818. Depois da sinterização a 1200°C, os corpos-de-prova foram submetidos aos ensaios físicos. Foi obtido um resultado positivo para a utilização do arenito Açu em baixas concentrações. É claro, portanto, o seu uso na cerâmica para revestimento.
<< Voltar