USO DE ARGILAS EM FILTROS DESTINADOS A PURIFICAÇÃO DE ÁGUAS CONTAMINADAS DA CONSTRUÇÃO CIVIL

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
01-029
Cristiano Corrêa Ferreira Ferreira, C.C.(Universidade Federal do Pampa); Pavan, F.A.(Universidade Federal do Pampa); Scheffler, G.H.(Universidade Federal do Pampa); O uso racional de água é sem dúvida alguma nos dias atuais uma questão de necessidade. A construção civil necessita de uma quantidade bastante significativa de água para realização das suas atividades, portanto ela também é responsável por gerar grandes volumes de águas potencialmente tóxicas ao meio ambiente. O presente trabalho visa desenvolver filtros a base de argilas encontradas na Região da Campanha Gaucha para o tratamento de águas contaminadas geradas na construção civil contendo elevados teores de turbidez e pH e sólidos totais. Para o tratamento das águas foram realizados ensaios em colunas de vidro de diferentes tamanhos contendo variadas quantidades de argila. O tratamento foi obtido comparando-se os valores dos parâmetros investigados antes e após tratamento das águas com as argilas. Os resultados obtidos mostram que a coluna contendo 10 cm de argila é capaz de diminuir em 95±1,3% o valor da turbidez inicial (284 NTU) do efluente bruto. Com o uso do filtro de argila foi possível diminuir o valor de pH inicial do efluente bruto de 11,4±0,9 para 6,8±0,3. A condutividade do efluente após tratamento teve uma redução de mais 100 vezes do seu valor inicial. Com base nos resultados obtidos conclui-se que as argilas estudadas podem ser utilizadas no processo de tratamento de águas residuais da construção civil.
<< Voltar