Análise microestrutural de cerâmicas BaM com aplicações em RADOME

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
10-016
Antonio Carlos da Cunha Migliano Cunha, S.A.(Instituto Tecnológico de Aeronáutica); Migliano, A.C.(Instituto de Estudos Avançados); de Brito, V.L.(Instituto de Estudos Avançados); As ferritas hexagonais são materiais que possuem forte anisotropia magnetocristalina. A ferrita hexagonal tipo M, em especial, possui, entre outras características, elevada temperatura de Curie, estabilidade química e resistência à corrosão, fatores que a torna alvo de interesse científico e tecnológico. Dentre suas aplicações, encontram-se ímãs permanentes, materiais de armazenamento de dados, componentes em dispositivos elétricos, blindagens ou RADOMES, particularmente naqueles que operam nas frequências de RF e micro-ondas. Neste trabalho foi estudada a microestrutura da hexaferrita de Ba do tipo M, BaFe12O19, com adições de 0,2 a 2,0% em massa de CuO. As amostras foram sintetizadas pelo método cerâmico convencional e analisadas por medições de massa específica, difração de raios-X e microscopia eletrônica de varredura (MEV). A caracterização eletromagnética se deu pelos métodos de impedância e Transmissão/Reflexão, na faixa de 0,005 a 8 GHz. Como resultado, as adições de CuO favoreceram a densificação e o crescimento de grão, além de influenciarem as propriedades eletromagnéticas das amostras. Verificou-se também que as adições de CuO produziram o aumento da refletância da ferrita BaM.
<< Voltar