Reutilização De Material Cerâmico Na Produção De Concretos Reciclados

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
13-054
HEITOR FERNANDES SOUSA SOUSA, H.F.(Instituto de Ciências Sociais e Jurídicas Professor Camillo Filho); SILVA, R.M.(Instituto de Ciências Sociais e Jurídicas Professor Camillo Filho); VALE, G.C.(Instituto de Ciências Sociais e Jurídicas Professor Camillo Filho); Oliveira, Y.L.(Universidade Estadual do Piauí); Os Resíduos de Construção e Demolição (RCD) constituem uma grande parcela de resíduos produzidos nas cidades brasileiras. Dentre seus constituintes, a cerâmica, proveniente de tijolos e telhas principalmente, equivale a uma considerável parcela desses resíduos. O presente estudo teve como objetivo realizar uma comparação das resistências de um concreto com agregado miúdo reciclado (porcentagens de 10%, 20% e 30%, mantendo o fator água/cimento de 0,5, nas idades de 7, 14 e 28 dias) em relação a um concreto confeccionado com agregados naturais. Além disso, analisar a granulometria dos agregados, o teor de material pulverulento, a absorção e a resistência à compressão dos corpos de prova confeccionados. Os resultados especificaram que o acréscimo da porcentagem de cerâmica provoca aumento de sua plasticidade e redução na resistência à compressão. No entanto, este material reciclado pode ser utilizado em estruturas que não requerem alta resistência.
<< Voltar