ESTUDO COMPARATIVO ENTRE A ABNT/NBR 15270 PARTES 1 E 3 DE 2005 E O BLOCO CERÂMICO TAVELÃO FABRICADO NO MUNICÍPIO DE SANTARÉM-PARÁ

Referencia Apresentador Autores
(Instituição)
Resumo
03-081
Fernanda Cristina Mourão Esmanhotto Zaccaron, A.(Universidade do Extremo Sul Catarinense); Esmanhotto, F.C.(Centro Universitario Luterano de Santarem); Mota, M.C.(Centro Universitario Luterano de Santarem); Da Silva, H.R.(Centro Universitario Luterano de Santarem); Frasson, B.B.(Sindicato da Industria de Cerâmica Vermelha - Morro da Fumaça/SC); Moutinho, V.H.(Universidade Federal do Oeste do Pará); Vieira, C.M.(Centro Universitário Barriga Verde); Os tijolos cerâmicos são utilizados em grande escala na indústria da construção civil. Com o processo de fabricação mais simplificado possível, os tijolos apresentam características distintas mesmo entre aqueles de dimensões similares. Devido as grandes discrepâncias entre os blocos comuns utilizados em edificações, um novo tijolo foi lançado no mercado. Tendo origem em países da América Latina, como a Venezuela e a Colômbia, empregado para preenchimento de laje, o Tavelão é um bloco cerâmico com dimensões superiores ao convencional. Com processo de fabricação empírica, este foi lançado pela cerâmica Ciframa no município de Santarém-Pará, no ano de 2015. Possuindo dimensões de aproximadamente 6,5x25x81,5 centímetros, foi empregado como bloco cerâmico de vedação interna. Por ter dimensões superiores ao tijolo convencional e características diferentes daquelas exigidas pela norma, o presente estudo submeteu o Tavelão às normas de alvenaria de vedação sendo realizados ensaios de geometria, índice de absorção de água e resistência à compressão, além das características visuais segundo as diretrizes da norma ABNT/NBR 15270, partes 1 e 3. Foram utilizados 13 corpos de prova para realização do ensaio de geometria e resistência a compressão, e oito para o ensaio de absorção de água. Algumas amostras apresentaram grande desvio em relação ao esquadro, além de não estar dentro dos limites estabelecidos das planezas das faces e espessuras dos septos. O índice de absorção está dentro dos limites estabelecidos e resistência à compreensão inferior ao exigido pela norma. No entanto, todas as amostras não atenderam os critérios exigidos de características visuais. O Tavelão necessita de um processo produtivo mais rigoroso para que possa ser produzido em larga escala.
<< Voltar