Logotipo VIII Erur

Minha área


Novo Usuário? Crie a sua conta Esqueceu sua senha? Recuperar sua senha
Dias 22, 23 e 24 de outubro de 2014 Palace Hotel - Poços de Caldas - MG

Caminho do Metal Líquido: A Importância do Refratário na Formação de Inclusões

Marcelo Pires

NOVELIS

Resumo

A escolha correta dos refratários usados na indústria do alumínio, irá determinar o desempenho do produto final, quando solicitado em serviço ou durante processos de deformação plástica. Um dos principais defeitos em materiais laminados são as inclusões refratárias, que podem se formar por uma série de mecanismos ao longo do processo de fusão.

No processo de fabricação de chapas laminadas, o alumínio percorre um longo caminho até o produto final. O início desse caminho começa nos fornos de fusão, onde uma receita composta por sucatas, alumínio primário e elementos de liga, são fundidos até atender a uma especificação de composição química, conforme a liga a ser produzida. O passo seguinte é a transferência desse metal por calhas até fornos de tratamento ou refino, o processos de fluxação irão remover metais alcalinos, hidrogênio e óxidos do alumínio líquido. Depois disso o metal é novamente transferido por calhas até desgaseificadores e filtros, onde um refino fino é feito para garantir os níveis especificados de hidrogênio e óxidos no metal e por fim, o vazamento.

Em toda essa jornada, os refratários tem papeis muito importantes para garantir a qualidade em cada etapa e principalmente, quanto a ausência de inclusões. Para tanto, é necessário uma escolha criteriosa para o uso de refratários, conforme o processo usado em uma Refusão. Os principais fatores para uma seleção dos refratários são a temperatura de operação, a resistência ao ataque químico, as propriedades mecânicas, os métodos de Instalação e o custo benefício.

Essa apresentação tem como objetivo principal apresentar exemplos de alguns mecanismos de geração de inclusões, no caminho do metal líquido através dos refratários em uma Refusão.

Copyright © 2019 Metallum Congressos Técnicos e Científicos. Todos direitos reservados.
Site produzido por: SITESP.NET