Logotipo VIII Erur

Minha área


Novo Usuário? Crie a sua conta Esqueceu sua senha? Recuperar sua senha
Dias 22, 23 e 24 de outubro de 2014 Palace Hotel - Poços de Caldas - MG
José Carlos Mascagni Junior, 40 anos, formado em curso técnico em mecânica pelo metaisLiceu de Artes e Ofícios de São Paulo em 1.993 e engenharia metalúrgica pela Faculdade de Engenharia Industrial em 1.998.  Atua há 15 anos na indústria de Alumínio (Companhia Brasileira de Alumínio), como engenheiro de produção e processo, coordenador e gerente de produção da Redução, no qual participou efetivamente dos start-up´s de três salas de redução (salas 5,6 e 7).  Atualmente, é gerente de produção das áreas de apoio da Redução: Tratamento de gases, Logística de Metal para Fundição, Limpeza e Manutenção de Cadinhos, Limpeza e Manutenção de Pontas Anódicas e Recuperação e Destinação de Resíduos proveniente dos processos de demolição de cubas eletrolíticas. Recentemente, participou ativamente dos processos de desligamento e repartida dos fornos durante a crise energética nacional.

 

Destinação resíduo gerado de cubas de alumínio – Reaproveitamento de refratários usados

José Carlos Mascagni

CBA

Resumo
Um dos grandes passivos ambientais da indústria do alumínio é o resíduo gerado de cubas (RGC), este material é classificado como resíduo perigoso classe I, conforme norma NBR 10004:2004, o que exige uma destinação correta e controlada deste material. Atualmente o grande coprocessador deste material são as indústrias de cimentos que podem utilizá-lo, quando legalizadas ambientalmente, como fonte de calor no caso dos resíduos carbonosos (cerca de 30%) ou como matéria prima quando o material possui em sua composição elevado teor de óxido de alumínio. Já o revestimento das cubas de eletrólise é composto por tijolos refratários e isolantes sílico-aluminosos que são segregados durante a desmontagem e oferecidos à indústria de reciclagem de refratários. Esta apresentação irá mostrar como atualmente a Companhia Brasileira de Alumínio -CBA gerencia a destinação do seu RGC, bem como a caracterização dos elementos do revestimento após a demolição das cubas eletrolíticas.

 

Copyright © 2019 Metallum Congressos Técnicos e Científicos. Todos direitos reservados.
Site produzido por: SITESP.NET